Entenda como biodigestores geram energia

No ano de 1806, o químico europeu Humphrey Davi observou a produção de um gás rico em carbono e dióxido de carbono, gerado a partir da decomposição de dejetos de animais em condições de umidade.

Então, diante disso, criou os primeiros biodigestores. Esse processo foi muito utilizado no período da Segunda Guerra Mundial entre países da Europa, onde o biogás substituía os derivados de petróleo por meio da queima direta e uso em automóveis.

No Brasil, a sua utilização somente passou a ser uma opção a partir de 1979 e, até os dias de hoje, a energia oriunda do biogás é pouco conhecida.

No artigo a seguir, apresentamos essa fonte de energia limpa, renovável e com potencial incrível. Boa leitura!

Como funciona o processo de biodigestão

O biodigestor é uma câmara fechada, alimentada por resíduos orgânicos (esterco, restos alimentos, vinhaça, cama de frango, entre outros), onde esses rejeitos são misturados com água e o oxigênio é retirado. Em função da falta de oxigenação, algumas bactérias atuam nesses detritos originando biogás e biofertilizantes.

A utilização do biogás gerado dependerá da sua pureza em relação ao metano, entretanto, pode ser utilizado tanto para geração de energia elétrica e térmica, como na forma de gás combustível.

Biodigestão e suas vantagens

Sem dúvidas, são diversos os benefícios desse processo. A seguir, confira os principais:

– Produção de energia renovável a partir de uma fonte alternativa, que pode ser fonte de retornos financeiros pela venda de créditos de carbono;

– Processamento e destinação de resíduos orgânicos, minimizando a proliferação de vetores e reduzindo, consideravelmente, o odor exalado dos resíduos animais, além da redução de emissão de gases poluentes na atmosfera;

– Produção de um subproduto com alta qualidade para utilização como adubo orgânico para fins agrícolas, que melhora as características físicas, químicas e biológicas do solo, e realiza papel importante na proteção das lavouras contra pragas e doenças;

– Possibilidade de distribuição da energia gerada pelo processo ou armazenagem para uso posterior.

Fonte de energia limpa e renovável

Estudos apontam que, em longo prazo, 36% da demanda de eletricidade no Brasil pode ser obtida a partir da biomassa, sendo a agropecuária a maior fonte de conversão energética.

Além da obtenção de uma fonte de energia limpa e renovável, os biodigestores estimulam o tratamento de efluentes, minimizam a contaminação do solo e reduzem a emissão de gases na atmosfera.

O Brasil conta com 276 plantas de biogás em operação e 13 delas estão localizadas no Rio Grande do Sul.

Conte com Mercatto para ingressar no Mercado Livre de Energia

Se você busca reduzir custos e obter energia sustentável, saiba que acaba de encontrar a consultoria que procura.

Entre em contato conosco clicando aqui e saiba como podemos ajudar!

Saiba por que a energia solar tem alta demanda no Brasil

Se você já chegou até aqui, provavelmente já sabe um pouco sobre a energia fotovoltaica, uma fonte limpa e renovável que produz energia elétrica através da luz solar.

Essa energia renovável tem se destacado dentre as outras fontes nos últimos tempos e no mundo todo, sendo o tipo de energia que mais recebe investimentos, inclusive no Brasil.

Nós somos um dos 30 países que mais implantam energia solar no mundo e a tendência é que estejamos em breve pleiteando o topo da lista, já que a demanda só faz crescer.

Você quer saber mais sobre a energia solar e como aproveitá-la da melhor forma?

Continue a leitura e aproveite!

O que é energia solar fotovoltaica

Esse é o tipo de energia produzido através do sol e por incrível que pareça, mesmo em dias nublados ou de chuva, é possível obtê-la. A quantidade de radiação determina a produção de eletricidade, sendo assim, quanto mais sol, melhor.

Sua captação é feita através das placas solares e a quantidade de placas instaladas também interfere na quantidade de captação de energia.

Uma das grandes vantagens em gerar energia elétrica a partir da luz solar é que ela é considerada uma fonte de energia alternativa, limpa, renovável e sustentável.

O mercado de energia solar está em crescimento no Brasil

Conforme especialistas, o Brasil possui as condições climáticas e geográficas ideais para a produção de energia solar. O mercado, que se encontra em ascensão, caminha cada vez mais rápido em direção a investimentos que facilitem a chegada desse tipo de energia ao consumidor final.

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR) estima que em 2021 teremos um acréscimo de 5,09 GW em potência instalada desse tipo de energia no país, o que representa um aumento de 68% em relação ao acumulado até o fim do ano passado.

A Resolução Normativa nº 482 da ANEEL, que estabelece as condições gerais para a microgeração e a minigeração de energia por fontes renováveis, incluindo a solar fotovoltaica, foi revisada. Com isso, passou a permitir que os consumidores gerem sua própria energia e possam injetar o excedente da energia na rede elétrica, criando o sistema de compensação de créditos.

Um grande passo para o futuro do modelo de consumo de energia em nosso país.

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no Mercado Livre de Energia?

Acompanhe os passos da Mercatto e não perca nenhuma novidade!

Como a gestão de energia pode influenciar no Mercado Livre?

O Mercado Livre de Energia é um setor comercial como outro qualquer, por isso exige uma boa gestão para a implementação das melhores práticas. Existe uma série de especificidades que precisam ser conhecidas, cumpridas e geridas pelo consumidor que migra para esse mercado. O gerenciamento desses processos e o acompanhamento mensal estão intrinsecamente relacionados a gestão de energia.

Quando sua empresa realiza a migração para o Mercado Livre de Energia, no mesmo momento em que é esperado atingir economia com esta decisão, algumas responsabilidades que antes não existiam passam a compor o quadro de custos da empresa.

Quanto melhor a gestão de energia na sua empresa, melhores serão os resultados e a produtividade. Consequentemente, melhores serão as condições de competitividade de seu produto/serviço frente ao mercado. Os preços de energia não são os mesmos sempre e existem momentos de grande atratividade para compra de energia a preços baixos, assim como momentos ruins, com preços altos.

Mas se você faz uma boa gestão da energia na sua empresa pode ter muitas vantagens em comparação ao mercado cativo. Aqui estão algumas delas:

  • Estratégias de consumo: estratégias e pesquisas sobre a viabilidade econômica que permita a migração do ambiente de mercado cativo para o Mercado Livre de Energia. O consumidor saberá o quanto gastará nesse processo e o quanto ganhará em curto, médio e longo prazo. Em outras palavras, ele descobre qual será o retorno sobre o investimento;
  • Monitoramento em todo o processo: por meio da preparação e monitoramento do processo de adesão ao Mercado Livre de Energia junto à Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Sem esse acompanhamento há o risco de cometer sérios erros que podem até mesmo levar ao desligamento do consumidor na CCEE;
  • Inteligência de mercado: com o suporte de uma consultoria especializada em inteligência de mercado (como nós da Mercatto Energia), o consumidor é direcionado para as melhores estratégias de consumo no Mercado Livre de Energia, realizando boas negociações e obtendo as melhores tarifas de energia. Essa consultoria se dá com a criação de relatórios com a média de consumo de energia para mostrar o cenário energético daquele consumidor. Após isso, o consumo é projetado de acordo com as necessidades dele. Essa é uma ótima maneira de economizar na conta de energia sem abrir mão da qualidade dos serviços prestados. O resultado será um excelente gerenciamento das operações dos contratos de energia, das tarifas de utilização de serviços de distribuição e de transmissão;
  • Compreensão dos comunicados: o entendimento dos comunicados e informativos vindos do mercado de energia elétrica e da própria CCEE são determinantes para uma boa gestão no Mercado Livre de Energia — visto que muitos consumidores não entendem bem as movimentações técnicas e processuais que ocorrem nesse setor. A consequência desse não entendimento pode ser a perda de boas oportunidades, irregularidades ocasionadas pela falta de conhecimento, sanções judiciais e administrativas, além da rescisão do contrato com a CCEE. Para um entendimento mais claro das movimentações na CCEE é essencial ter uma gestão eficiente;
  • Resultados financeiros: como você vai saber se os resultados obtidos na sua empresa estão satisfatórios no Mercado Livre de Energia? Novamente, o gerenciamento entregará essa informação, por meio de relatórios técnicos mensais que demonstram o quanto a empresa economizou com as operações realizadas. Por meio da análise desses dados, os gestores vão descobrir o que modificar ou migrar para outras estratégias comerciais. De igual modo, esses relatórios ajudam na comparação entre os valores pagos pelo consumidor no mercado livre e no mercado cativo pelo mesmo montante de energia.

Diversos benefícios podem ser atingidos para o seu negócio por meio de uma boa gestão no Mercado Livre de Energia. Com certeza, as empresas que aderem a esse sistema podem comemorar os excelentes resultados em curto, médio e longo prazo. Acredito que você entendeu a importância de ter uma empresa especializada e experiente para realizar a gestão de energia na sua empresa. Entre em contato conosco, pois temos muito mais à disposição do seu negócio.